quinta-feira, 4 de junho de 2009


"Nunca se mente mais do que depois de uma caçada, durante uma guerra e antes de umas eleições."
Otto von Bismark

7 comentários:

O Profeta disse...

Mil caminhos
Esta viagem sem velas nem vento
Este barco na bolina das ondas
Esta chuva miúda transborda sentimento

Amarras prendem o gesto
Arrocham um coração que bate incerto
Uma gaivota retoca as penas com espuma
Levanta voo em rumo concreto

Partilha comigo “100 Anos de Ilusão”


Mágico beijo

vício disse...

esqueceste-te da pesca!
porque também há a celebre frase de tasca que diz:
"Aqui se juntam caçadores, pescadores e outros mentirosos"

Resumindo a tua frase... é depois da caçada, durante a caçada e antes da caçada... e "nós" andamos sempre à caça de qualquer coisa...

najla disse...

Vicio, não é preciso ser uma tasca....E sim! "Nós", por natureza ou defeito, andamos sempre à caça de algo...

Noiva Judia disse...

Eu não o diria melhor.

entremares disse...

Como podes dizer isto ?

E eu, que no domingo passado, sózinho, sem a ajuda de ninguém, apanhei 135 coelhos, só durante a manhã ?

Sinceramente...

:)

( o velho Bismark tinha razão )

spritof disse...

ora....
;)

najla disse...

Entremares, apanhaste quantos? Na gaiola, certo??? eheheheh