terça-feira, 15 de junho de 2010

Pérola # 3

Colega - Iniciei ontem uma dieta. Estou a ficar gordo!
Eu - Gordo? Mas tu és magro!
Colega - Sim. Mas estou a ficar com muita barriga.
Eu - Não vejo barriga nenhuma. E que tipo de dieta estás a fazer?
Colega - Simplesmente não como.
Eu - Isso não é dieta, homem. Isso é sacrifício. E que tal está a correr?
Colega - Sabes, sinto um incómodo grande no estômago. Quase que diria dor. Fico indisposto, muito nauseado.
Eu - Claro! Isso é fome! E que fizeste para te passar essa indisposição?
Colega - Comi um prato com um bife, batatas fritas, salada, pão de alho com manteiga e uma garrafa de vinho tinto! Soube-me tão bem. Amanhã tento outra vez!

8 comentários:

Sandra Oliveira disse...

Santa inteligência...

Vício disse...

é o teu colega com a dieta e eu com as tentativas de deixar de fumar.
todos os dias consigo parar de fumar varias vezes!

Angel in the dark disse...

Há dietas e dietas, mas deixar de comer é deixar de alimentar o corpo, e sem ele não existimos!
Diz lá ao teu colega, que se deixe disso!

Beijo
Angel

najla disse...

Sandra, e por acaso é....mas cá para nós, às vezes o tico e o teco zangam-se!

Vicio, esses vicios....

Angel, e achas que adianta? Mas acho que ele próprio vai constatar isso....

Valéria Gomes disse...

Sem força de vontade, só com a ajuda dos inibidores de apetite.


Beijos!!!

TM disse...

Pronto... o desconforto no estômago fica curado...
A dieta já é outra coisa....

Daniela B. disse...

E come isso tudo? Entao e a dieta?

O calor absorveu a inteligência!

Paula disse...

Quandos os neurónios deixam de funcionar só pode dar nisso... hehehe
Boa tentativa sim senhor***