segunda-feira, 28 de junho de 2010

E a culpa foi da pulga!


Encontro uma pulga enorme na casa de banho, que associei à última ida do marido ao campo. Após um verdadeiro estrebucho, lá conseguiu apanhar a maldita. Tapou o lavatório e meteu-a lá dentro. Entretanto, decidiu tomar banho. Mas esqueceu-se de destapar o lavatório e desligar a torneira. Ao fim de uns 10 minutos, ouço um grito.
Lá vou a correr e que vejo eu?!?
Isso mesmo.....a casa de banho, o quarto e já o corredor inundados!
A única coisa boa nisso, foi a brincadeira da filha a chapinhar na água e depois foi encher baldes à pazada. E isto tudo por causa de uma pulga!
Mas digo-vos, após afogar a maldita apeteceu-me afogar o marido também!!!!

7 comentários:

TM disse...

Mas para isso era preciso ainda mais água e depois ia dar uma trabalheira a secar tudo... :p

Vício disse...

imagina tu se tivesses encontrado um elefante...

najla disse...

TM, havia de arranjar forma de minimiar a coisa....sabes que as mulheres são geniais...eheheheh

Vicio, apesar de acharem que isto é um deserto, temos barragens e grandes!

Valéria Gomes disse...

Existem outras formas de se matar pulgas.

Beijocas!!!

Valéria Gomes disse...

Existem outras formas de se matar pulgas.

Beijocas!!!

Nina disse...

E não o fizeste?Oh!:)
jocas

Paula disse...

hehehehe... coitadinho do marido que nem deu conta que trazia companhia para casa... antes uma pulga que outras coisa piores!

Beijocas doces****