sexta-feira, 16 de abril de 2010

A pérola


Colega (ao telefone) - Hoje não vou poder ir trabalhar!
Eu (num suspiro à espera de algo transcendental) - Então o que te aconteceu hoje?
Colega - Fui passear ontem à noite de carro até ao rio. Cheguei lá e ao fazer inversão de marcha, não vi que tinha terminado a estrada e fiquei suspenso!
Eu - Desculpa???
Colega - Sim! Fiquei com metade do carro em terra e outra parte suspensa. E o pior é que quando consegui sair desta situação fiquei sem travões e tive de deixar o carro lá no rio.
Eu - Jesus....
Colega - E como não tenho carro, não posso ir trabalhar!
Eu - Claro, claro! (num tom muito preocupado como se tivesse acreditado em tudo)

7 comentários:

Vício disse...

és uma insensível!
então não se está a ver que o teu colega foi um homem forte? nem falou da aflição que deve ter passado na sua suspensão...

najla disse...

Vício, insensível eu? Insensível??? Eu julgo que sou a sensibilidade em pessoa (muahahahah).... e a paciência!!!!

Valéria Gomes disse...

Como mente mal, esse coitado!

Bom dia, flor do dia!!!

Tatiana disse...

Afff... Isso que é uma mente brilhante!
Beijos com carinho

Susy disse...

Como é que ele não ficou, juntamente com o carro, lá no rio?!

eh eh

Beijinhos!

TM disse...

Acho que o teu colega andou a ver muito filmes....

Lize disse...

Que história! Há desculpas bem mais fáceis ahahah xD