terça-feira, 24 de março de 2009

Voei


Houve um dia em que fui perfeita.
Houve um dia que fui genial.
Houve um dia que juraste ter encontrado a cara metade.
Mas isso foi um dia!

A magia acabou. A sedução e o fascínio terminaram. A realidade impôs-se.
Deixei de ser a super-mulher.
Deixei de conseguir camuflar os sentimentos.
Avisei que não era a mulher convencional. Não consegui tirar excelente em todas as áreas. Apenas consegui ser excelente mulher, excelente mãe, excelente amiga e excelente profissional. No resto perdi-me! E afinal, o resto tinha muito mais valor!

Cansei de dar volta à vida em cima de salto alto. Doem-me os pés.
Cansei de mascarar a amargura e a incerteza, o choro e a mágoa com um sorriso, puxando o cabelo para trás da orelha e gracejando com algo. Perdi o ânimo.

Quantas vezes calei o dissabor e a agonia, para que tudo continuasse perfeito....jurei nunca mais!
Fiz de mim outra mulher, fiz de mim outra pessoa...por ti....para ti....por todos vós! Cansei!
Não suporto mais a ideia do silêncio.
Não consinto que me enfrentem e eu baixe os olhos.
Não admito que sustenham a minha vida e a minha vontade.

A máscara que fingi ter e ser minha caiu. A máscara que usei está gasta.
Vi uma fresta. Vi o sol. Vi que afinal apesar do caminho que decidi tomar, posso inverter.
Basta querer! Basta ter vontade! Basta voar!

11 comentários:

maria disse...

Como já pensei isto tantas vezes...
UM BEIJO..
MARIA

Osga disse...

A primavera não devia ser uma época em que andamos todos bem?!

spritof disse...

...e para andarmos bem temos em primeiro lugar de ter consciência do menos bem.
E depois há que bater asas e voar...
...a primavera está aí, e o vôo está a começar.

Voa... bem alto.
Segue o teu instinto e a tua vontade.

Mas mantem-te em contacto.
:)

pensamentosametro disse...

Mas um destes dias, sem aviso, a magia volta...



Bjos



Tita

Tatiana disse...

Se é assim...
Voe... e encontre a verdadeira felicidade!

Beijos com o meu carinho

{Nanda}_A disse...

Não há nada mais belo, gratificante e encantador do que sermos nós mesmas...
no entanto se faz necessário, descobrir o que nos pertence e o que foram mascaras vestidas ao longo de toda uma vida...

bela reflexao...
gostei

bjs

entremares disse...

E assim, também a Bela Adormecida se recusou a adormecer, se recusou a ser picada pelo fuso e gritou:

Basta.

Eu posso voar.

... E voou...

Desejos Aliciantes disse...

Nada melhor do que nos libertar de coisas que nos sufocam e nos tiram a identidade...
Belo poema
adorei
Boa noite pra vc
Beijos imensos na alma!

spritof disse...

Gosto do teu novo cenário...

Espelho meu disse...

Amei, amei, amei! :D

Bravo!

Quantas vezes temos de usar máscaras para escondermos o que de tão bom temos, e o oferecemos a quem não merece?
A magia tá dentro de nós, e temos a constante mania de a tentar encobrir porque achamos que não somos merecedores...

Somos sim...És sim merecedora... :)

Voa...e leva-me contigo!

Um enorme beijo*

M disse...

A perfeição é uma máscara que não dura sempre. Somos quem somos.