quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Um Feliz e Próspero Ano Novo


A cada ano que passa, teimo em não fazer planos para o ano que se avizinha. Sim, pura teimosia!
A cada ano que passa costumo apenas fazer um balanço do que se passou. Costumes...

Olho para o meu percurso profissional e recordo o dia que me disseram que ia ser aumentada. Deveria, como qualquer mortal, ter ficado eufórica e de ter comemorado. Mas não! Apenas consegui recordar todos os sacrifícios feitos ao longo de 7 anos, sem qualquer reconhecimento, um trabalho de bastidores, para que outros fossem aplaudidos, as lágrimas que prendi e os "elefantes" que engoli...

Daqui, só consigo espremer de bom, a amizade que cresceu com alguns colegas, a partilha, a cumplicidade, os risos, as asneiras, o empenho...e ver que afinal, por eles, os dias valeram a pena!

Os amigos! Ah...os amigos! Houve quem se afastasse, houve quem se aproximasse. Pessoas que considerava amigas, vi-as abalar. Outras porém, vi crescer algo único. E claro, houve sentimentos que se consolidaram, que amadureceram. E é tão bom, quando precisamos de alguém e esse alguém está ali...
E é tão bom quando, em momentos menos bons, ouvimos "só me lembrei de ti!".

A família! O meu suporte, o meu pilar!
Houve um dia, em que alguém me perguntou como é que eu consigo dar sempre a volta mesmo em situações delicadas e por vezes extremas. E afinal, a cura é tão simples e oferecida de mãos e braços abertos: a família!

É nela que me refúgio e é em casa que acento ideias. E agora mais do que nunca, sinto um desejo quase vital de regressar a casa a todas as horas, abraçar a cara-metade e claro, o meu bem mais que precioso: a minha princesa!

Também durante este ano, tentei ser mais altruísta, mais solidária. Dei muitas vezes o ombro, o colo, o lenço, a casa, o tempo e a palavra.
Percorri quilómetros apenas para quem precisasse sentisse que eu estava ali.

Dei muitas vezes o conselho que mesmo que a vida não nos sorria, sorrirmos nós para a vida...porque esta, esta é muito curta e única!

Valorizo mais cada dia que passa, o sitio onde vivo. Pelos cheiros, pelos costumes, pelas pessoas, pelas tradições, pelas raízes, pelos ensinamentos, pela cumplicidade....por tudo!

Aprecio a companhia dos mais velhos. Com eles tenho aprendido e tenho conseguido ser uma pessoa mais tolerante, mais permissiva, mais sensível.

Contudo, o mau génio não desapareceu definitivamente....mas esforço-me, sem dúvida!


Quis partilhar um ano inteiro convosco e de certo partilharei mais outro...mas este quase em directo. Agradeço a quem me lê e que aos poucos me vai conhecendo.

Um próspero ano novo e que seja em tudo melhor que o que passou!

9 comentários:

Lize disse...

Desejo o mesmo para ti :) Ainda sou uma recém-leitora mas estou aqui para ficar ;)


Beijocas

spritof disse...

Julgo que estes balanços são fundamentais. Ajudam-nos a perceber exactamente nde nos situações, quais são as nossas bases, e então a partir daí seguirmos ou mudarmos o nosso rumo. É como um check-point onde revemos o que temos e alcançámos, o que realmente importa, e então por onde prosseguir de seguida.

Gostei do que li, da tua perspectiva e análise, dos momentos e valores identificados, e, apesar do que sinto não ter qq importância nestd caso, gostava de dizer que só veio reforçar a sensação agradável que tenho da tua pessoa.

Um excelente ano de 2009!

Dry-Martini disse...

Obrigado por todas as partilhas .)

Bom ano menina Michele

XinXin

najla disse...

Lize, pois é....recente mas sempre presente! Por isso, obrigada! :D
Beijos

najla disse...

Spritof, espero manter e se possivel reforçar a sensação. Obrigada!
Beijos

najla disse...

Dry-Martini (ou melhor, Ladrão Jack), é com prazer, sem dúvida!
Beijos....da sempre Michele!!!! lolol

Catwoman disse...

Ora aqui está um balanço interessante. Parece que tentas fazer de ti a cada dia uma pessoa melhor. Desejo-te um ano de sorrisos!

kris disse...

FEliz Ano Novo....com muitas novidades e coisas boas!!!!

beijo*

Anónimo disse...

Por que nao:)