segunda-feira, 17 de maio de 2010

Isso interessa para alguma coisa?


Uma professora do 1.º ciclo do concelho de Mirandela, pousou nua para a Playboy e revoltou a Câmara local, a escola e os pais dos seus alunos. A dita professora, (que pelo jeito é toda boazona), era responsável pelas actividades extra-curriculares (que para quem não sabe é uma alternativa a muito bom professor que quando não consegue colocação vai dar umas aulinhas e tirar uns trocos [sim, é mesmo uns trocos!]). A Câmara de Mirandela vai analisar a situação, independentemente do profissionalismo ou não da professora (boazona).
Ora bem: está tudo doido. Só pode!
Podem posar para a playboy todos os outros profissionais menos uma professora?!? Ao menos sabem quanto é que um professor que lecciona nas AEC ganha? Alguém se questionou o porquê desta decisão de posar para a revista? Tiveram em conta o profissionalismo e o sucesso da professora com os seus alunos? Nãããããããããã. Isso não interessa para nada!
Cá para mim, os pais devem estar é todos babados! E as mães com uma dor de corno fenomenal!
Só uma perguntinha: a professora é boa ou não?
Os pais devem dizer "É boa comó milho!" (a pensar com a cabeça que não a de cima!).
As mães, como a inveja deturpa a visão, respondem em coro "não! é uma vaca!"
E pronto: nunca saberemos se a senhora é ou não uma boa profissional! Isso não interessa para nada!

9 comentários:

Vício disse...

ontem nas noticias mostraram que ela já tem mais de 10000 seguidores no facebook... quantos serão de Mirandela?

najla disse...

Acredito que pais devem ser todos, agora mães...lololol

Angel in the dark disse...

Mas esses promenores numa sociedade em que o conservadorismo ainda prolifera são mais importantes que o próprio profissionalismo! Infelizmente assim anda o mundo!

Angel

Dry-Martini disse...

Solidarizo-me desde já para aulas ou explicações em Mirandela :)

XinXin

Vício disse...

as mães também! achas que conseguem estar descansadas com os maridos depois de verem as fotos dela?

Valéria Gomes disse...

É uma pena que o ser humano não consiga separar bem as coisas. A parte que interessa aos pais, deveria ser somente a educação dos filhos e não a vida pessoal da pobre educadora. Se as crianças tiverem acesso à revista, com certeza, é porque os pais andam a compra-la. Se é tão errado assim, penso que nem os pais deveriam folhear a tal revista.

Beijo grande!!!

najla disse...

Angel, muitos pais são preconceituosos e agora estão a pensar no futuro dos filhos por uma coisa destas. Mas se calhar se forem chamados à escola porque o filho foi violento, agrediu ou simplesmente está a falar e corre o sério risco de repetir o ano, os pais nem querem saber...pois! quando nos calha a nós....


Dry-Martini, pois...estou a ver! lololol

najla disse...

Vicio, pois. Eu acho o problema é mesmo esse, sabes.

Valéria, ora nem mais. Tudo dito!

Marquês de Sade disse...

Não poderia estar mais de acordo!