quarta-feira, 22 de junho de 2011

A génese do género!



A minha mãe tem uma gata, a Úrsula, que apareceu lá no quintal com uma grande ninhada. Ora, tivemos que começar a distribuir gatinhos. Eu fiquei com uma gata e a minha irmã ficou com um gato.

À hora do lanche, a conversa da minha mãe com a minha filhota e o meu sobrinho (ambos com quase 4 anos):

Avó - Então já escolheram o nome para os vossos gatinhos?

Ela - Tenho um: Carlota!

Avó - Que bonito!

Ela - Mas acho que vou mudar, avó! Também gosto de "Mochila"!

Avó - Mas esse foi o nome que deste à mula que o teu avô tem. Tens de mudar!

Ela - Hum....e que for Princesa?

Avó - É engraçado também. Mas a tua mãe já te chama de Princesa!

Ela - Pronto....então gosto de Fofinha!

Avó - Estás a ver? Um nome bonito para a gata! Fica então Fofinha?

Ela (num grande entusiasmo) - Sim!!!


Avó - E tu, amor - olhando para o meu sobrinho - já tens nome para o teu gatinho?

Ele (com um ar muito sério e seguro) - Brandymel!

2 comentários:

Raio-de-Luar disse...

Ah ah ah ah
Adorei!!!

TM disse...

Pronto.... ao menos não havia nada a fazer concorrência... lol.... :P